MISA COM ORAÇÃO POR CURA E LIBERTAÇÃO CLAMANDO POR MILAGRES. 23 DE JULHO

ABRA - TE À RESTAURAÇÃO

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Viver em comunidade - II Domingo da Páscoa: 12 de Abril 2015

Quem é vencedor?

Os primeiros cristãos viviam o amor ensinado por Jesus, até as consequências mais incompreensíveis no mundo de hoje: “Traziam o preço do que tinham vendido e depositavam-no aos pés dos apóstolos. Repartia-se então a cada um deles conforme a sua necessidade” (At 4,35). Compreensível hoje? Difícil.
Partilha.
“A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma. Ninguém dizia que eram suas as coisas que possuía, mas tudo entre eles era comum”. A consequência não foi outra: Não “havia entre eles nenhum necessitado” (At 4,34). Coisa que só foi possível lá no passado, pensam consigo alguns. Será? Foi possível lá, por qual razão? Os cristãos viveram a fé que professaram. O amor foi concreto entre os primeiros cristãos. Será possível entre os futuros? Certamente. Contudo, é possível também hoje. Por ser difícil não ficamos dispensados da tentativa. Ah, quanta dificuldade!
Caminho. O caminho do amor concreto leva à ressurreição.”3 E depois que eu tiver ido e preparado um lugar para vós, voltarei e vos levarei comigo, a fim de que, onde eu estiver, estejais vós também” (Jo 14,3). É garantido. A estrada existencial percorrida apenas com palavras ou bons desejos, é de êxito duvidoso. O Mestre envia os seus a serem testemunhas do amor e da ressurreição. “Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio” (Jo 20,21). Hoje se canta muito o amor. Mas é essa cantiga de amor que o Senhor espera que esteja nos lábios dos seus enviados? Parece que não só, responde João: “Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: se amamos a Deus e guardamos os seus mandamentos” (1Jo 5,2).
Comunidade. Os que desejam viver a comunidade plena no reino futuro são chamados a começar a construir esta comunidade ainda aqui. Foi o que fez Jesus. ensinou a construir com os tijolos do amor. Construiu comunidade de amor. Quem se lançar nesta missão poderá alcançar a vida de ressuscitado, como ele ressuscitou. “26 Se alguém quer me servir, siga-me, e onde eu estiver, estará também aquele que me serve” (Jo 12, 26). Está aí. Servir ao Senhor, significa servir aqueles com quem convivemos. É assim que reunimos os irmãos em comunidade.
Quem é, pois, vencedor na estrada da vida? Quem compartilha. Não dá pra saber se a pessoa é vencedora olhando só o que a pessoa conseguiu neste mundo. Melhor visualizar o que está conseguindo para depois. “33 Com grande coragem os apóstolos davam testemunho da ressurreição do Senhor Jesus. Em todos eles era grande a graça” (At 4,33). Davam testemunho e a graça era abundante. É o que vale. É o mapa do caminho para o cristão ser vencedor.
Eu diante desta realidade

Envio
21 Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós (Jo 20,21).

A que Jesus me envia hoje?

Testemunha
33 Com grande coragem os apóstolos davam testemunho da ressurreição do Senhor Jesus. Em todos eles era grande a graça (At 4,33).

Como dou testemunho da ressurreição do Senhor?

Mandamentos comprovam o amor
2 Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: se amamos a Deus e guardamos os seus mandamentos (1Jo 5,2-3).

Guardo?
Minha prece

Senhor Jesus,
Tu me envias para ser testemunha da tua ressurreição.
Sou enviado para ser testemunha do amor,
Para viver o amor, e vivê-lo intensamente,
Como forma de ganhar outras pessoas para ti.
Como realizar esta tarefa? Tu me ensinaste e as comunidades dos primeiros cristãos
Mostraram que é possível ser solidário.
Preciso demonstrar meu amor de forma concreta, Senhor, doando-me na minha comunidade,
Fazendo o bem aos outros,
Comprovando por gestos concretos de amor,
Que sou teu discípulo.
Para esta árdua e sublime tarefa,
Conto com tua graça, Senhor.


Fonte: (Meritocat)

Para Curtir a nossa Página no Facebook Clique Aqui!

0 comentários:

Postar um comentário